PREENCHIMENTOS FACIAIS

 

O processo de envelhecimento é caracterizado por um afinamento da epiderme (camada mais superficial da pele), seguido de uma atrofia (diminuição do tecido celular subcutâneo) da camada de gordura existente abaixo da pele. Também ocorre reabsorção óssea, perda de volume e redução das fibras de colágeno e de elastina deixando a pele menos elástica e firme, surgindo assim os vincos e rugas. Ocorre ainda o deslocamento inferior da musculatura da face, ao qual chamamos de “Triângulo Invertido da Beleza” e a distorção do contorno mandibular. 

 

O objetivo dos preenchedores é volumizar e corrigir rugas, reduzindo os sinais do envelhecimento. Temos como implantes bioinjetáveis disponíveis no mercado os biodegradáveis, que são reabsorvidos com o tempo, e os permanentes.

 

São utilizados em diversos procedimentos como definição e volume dos lábios, contorno mandibular, aumento de mento (queixo), rinomodelação (nariz), suavização do sulco lacrimal (olheiras), sulco nasogeniano (bigode chinês), entre outros. 

 

Atualmente, a técnica de associar preenchedor e toxina botulínica é a mais procurada nos consultórios. 

 

PREENCHIMENTOS FACIAIS COM ÁCIDO HIALURÔNICO 

O Ácido Hialurônico é um preenchedor biodegradável e biocompatível, mais popular dos preenchedores e também o menos nocivo. É um implante temporário, ou seja, reabsorvível pelo organismo, com durabilidade variável, dependendo da região de aplicação e características do produto de escolha. 

 

É utilizado para dar contorno, definição e volume aos lábios, dar volume às maçãs do rosto, queixo e mandíbula, suavizar o aprofundamento da região de olheiras, modelar o nariz, entre outras necessidades. Considerado um excelente hidratante natural por sua propriedade hidrofílica, suas partículas aumentam de volume após a aplicação, já na derme, proporcionando o resultado desejado. 

 

É o mais seguro dos biomateriais para utilizar em preenchimentos, sendo também o implante de escolha para resultados naturais. Existem diversas apresentações desta molécula de ácido hialurônico, com variações de estrutura e características. A aplicação de preenchimento facial geralmente é realizada com agulhas, o que pode levar a complicações durante o procedimento, como hematomas, isquemias e necrose. Nos últimos anos a aplicação com a utilização de microcânulas tem revolucionado as técnicas de aplicação, proporcionando trauma mínimo, evitando assim a ocorrência de complicações durante e após estes procedimentos. 

 

 

As informações contidas neste site têm caráter informativo e de nenhuma forma devem ser utilizados para autodiagnóstico, autotratamento ou automedicação. Consulte sempre um profissional habilitado.

 

(51) 3592-6006 | (51) 3572-2503 | contato@clinicadalpizzol.com.br